Android lento? Aumenta o desempenho com estas dicas!

Estas 15 dicas podem ajudar o teu smartphone a acelerar!
Escrito por António Guimarães e
4 mins de leitura
Android lento? Aumenta o desempenho com estas dicas!
Photo by The Average Tech Guy / Unsplash
Publicidade
Publicidade

Com o tempo, é normal que qualquer equipamento Android comece a dar sinais de lentidão. Caso sintas que o teu telemóvel está cada vez mais longe dos seus dias de glória, eis algumas dicas que podem ajudar.

Atenção: as dicas e o seu efeito podem variar consoante o modelo e versão do sistema operativo.

Verifica atualizações pendentes

Nem sempre é uma garantia, mas atualizações de software podem ajudar a manter o teu dispositivo "afinado". Correções de erros e patches de segurança são sempre bem-vindos. O mesmo serve para os Google Play Services, cujas atualizações são recebidas pela Play Store.

Samsung Galaxy
Photo by Rami Al-zayat / Unsplash

Desinstala aplicações de fábrica

A maioria dos smartphones vem com aplicações pré-instaladas, sendo uma escolha comum das fabricantes. Caso queiras o teu equipamento livre de bloatware ou apps que não utilizes, desinstala-as. Para tal, acede a Definições > Aplicações > Aplicações instaladas.

Revogar permissões de apps não usadas

Se não quiseres desinstalar uma certa aplicação, podes sempre minimizar os recursos consumidos pela mesma. Ao desativar permissões como localização ou início automático, vais reduzir o impacto no desempenho. Para tal acede a Definições > Privacidade > Gestor de permissões. Em atlernativa, podes tocar de forma prolongada no ícone de uma app, tocar em Informações > Permissões.

Reiniciar o equipamento

Por vezes, um simples ciclo de energia pode ajudar um equipamento a recuperar algum desempenho. Afinal, desligar um telemóvel limpa aplicações e processos de plano de fundo. Caso o teu equipamento permita, podes agendar reinícios periódicos.

Limpar a cache de apps individuais

Com o tempo, todas as apps acumulam dados, ou cache. Limpar a cache não remove as tuas informações de login, embora possas optar por uma limpeza completa. Acede às Definições > Informação de aplicações > Limpar cache.

Samsung Galaxy S10
Photo by Christian Wiediger / Unsplash

Apagar conversas antigas e ficheiros transferidos

O WhatsApp e outras apps de conversação acumulam bastantes dados como conversas e ficheiros guardados. Caso tenhas feito cópia de segurança dos teus dados importantes, podes apagar manualmente conversas ou ficheiros acumulados.

Substitui apps pela versão "Lite" (se possível)

O Facebook é das aplicações mais "esfomeadas" por memória nos telemóveis. Nesse sentido, utilizar versões mais leves como o Facebook Lite ou Messenger Lite pode ser uma opção viável para acelerar o teu equipamento.

Utiliza apps em versão Web

Há certas aplicações que disponibilizam versões web (no browser), cujo funcionamento é igual à versão de aplicação. Por exemplo, redes sociais como Twitter ou Instagram estão disponíveis na web, bem como o Uber.

Mantém um ambiente de trabalho simples

Wallpapers animados, widgets e outros elementos dinâmicos do ambiente de trabalho estão sempre a consumir recursos. Assim sendo, caso tenhas um equipamento lento, tenta manter o aspeto do teu home screen o mais minimalista possível.

Pixel 3a
Photo by Sebastian Bednarek / Unsplash

Desativa o Google Assistant em modo mãos livres

O Google Assistant é uma ferramente bastante útil para pesquisas, comandos e outras funções. Contudo, ter a função sempre ativa para chamada por voz pode impactar o desempenho de um equipamento. Acede a Definições > Google Asisstant > Hey Google & Voice Match e desativa a função. Se tens um Samsung, considera desativar a Bixby Voice.

Desativa atualizações automáticas nas apps

Caso não tenhas muita memória disponível, recomendamos que desatives atualizações automáticas de apps na Play Store. Abre a loja de aplicações, toca no teu perfil no canto superior direito e seleciona Preferências de rede. Finalmente, seleciona a opção Não atualizar apps automaticamente.

Evita apps de antivírus ou "task killers"

É provável que já tenhas pensado em instalar alguma app de gestão de recursos ou antivírus. Contudo, não costuma ser uma boa ideia. Se suspeitas que o teu equipamento está infetado, consulta o nosso guia de segurança.

Acelera as animações do Android

Esta é uma dica clássica, presente no Android desde as primeiras versões. Para mexer na velocidade das animações, deves primeiro ativar as opções de programador.

Para tal, abre as Definições > Sobre o telefone/dispositivo e procura o Número de Build. Toca 7 vezes nessa opção até veres a mensagem pop-up "você é um programador". Regressa ao menu de definições principal e entra nas Opções de programador. Encontra as opções de animação e define-as para 1x ou desativa por completo.

Android 11 is here! This is the official Android 11 splashscreen.
Photo by Mika Baumeister / Unsplash

Faz a reposição de fábrica

Em casos mais extremos, uma reposição de fábrica pode ajudar o teu equipamento a restaurar alguma da sua glória original. Certifica-te que tens uma cópia de segurança dos teus dados e acede a Definições > Sistema > Opções de reposição > Eliminar/Repor dados de fábrica.

Instala uma ROM personalizada (avançado)

Se tiveres um equipamento que já não recebe mais atualizações Android, considera instalar uma ROM personalizada. Trata-se de uma versão do sistema operativo personalizada por terceiros. Uma das mais famosas é o LineageOS, por exemplo. Contudo, tem atenção e certifica-te que só o fazes se tiveres os conhecimentos necessários. Caso contrário, poderás danificar o teu equipamento de forma permanente.

Partilhar artigo