Extrai todo o potencial da astrofotografia do teu Google Pixel

Ajudamos-te a encontrar as melhores configurações e damos alguns conselhos para captares imagens impressionantes com o teu Pixel!
2 mins de leitura
Extrai todo o potencial da astrofotografia do teu Google Pixel
Publicidade
Publicidade

O modo de astrofotografia dos smartphones Pixel da Google é uma referência no mercado, porém para conseguires as melhores imagens é necessária alguma perícia.

Para te iniciares na astrofotografia recomendamos que abras a app Câmara da Google e utilizes o modo Visão Noturna. Para começares a fotografar deves estar munido de um tripé. O tempo de exposição é longo e propício a que a oscilação resulte em imagens com pouca nitidez.

Para disparares sobre o céu deverás também ter em atenção a meteorologia, já que captar imagens das estrelas apenas resulta na perfeição quando não há nuvens no filamento ou até mesmo locais com muita poluição luminosa que resulta na inserção de luz difusa nas imagens. A Lua pode ser também um fator crítico na obtenção das melhores imagens. Se estiveres na fase cheia, inunda de luz o sensor da câmara e poderá ofuscar a sensibilidade necessária para que as estrelas fiquem visíveis.

O modo de astrofotografia do Google Pixel permite captares imagens das estrelas e do universo sem que tenhas que afinar as regulações da sensibilidade ISO da aplicação da câmara do smartphone, ou qualquer outra definição. A inteligência Artificial desenvolvida pela Google encarrega-se de todo o processo, e resulta em imagens verdadeiramente impressionantes, como esta em baixo:

Fotografia tirada num Google Pixel 4 através do modo Visão Noturna

O telefone tira várias fotografias em poucos segundos e depois realiza o processamento das imagens com a necessária compensação da luz. O mecanismo inteligente encarrega-se de destacar componentes e particularidades celestes.

No caso dos resultados obtidos merecerem algum tratamento não é necessário seres profissional de edição de imagem. Através do Adobe Lightroom é possível mexeres em centenas de efeitos predefinidos e especialmente desenvolvidos para melhorares imagens de astrofotografia. Com isto conseguirás melhores resultados. Tal como noutros casos de filtros não existe uma receita certeira para aplicar, sendo que recomendamos utilizares vários para veres qual o resultado que mais te agrada.

Partilhar artigo