Google Pixel Watch está a chegar! Tudo o que precisas de saber

O Pixel Watch está mesmo ao virar da esquina e nós resumimos aqui todas as informações já reveladas.
Escrito por Diogo Simões e
3 mins de leitura
Google Pixel Watch está a chegar! Tudo o que precisas de saber
Publicidade
Publicidade

Ao fim de vários anos de rumores, a Google aproveitou o palco da I/O 2022 para finalmente apresentar ao mundo o Pixel Watch, a sua tão aguardada nova criação de hardware.

Como já se esperava, o mundo tecnológico ficou em polvorosa com este anúncio, em especial pela atenção que a Gigante de Mountain View está a dar ao seu sistema operativo para wearables. Por isso, como sabemos que há muitos curiosos a querer saber mais e mais novidades sobre ele, damos-te a conhecer todos os pormenores já sabidos.

O design do Pixel Watch

O design do Pixel Watch tornou-se oficial na I/O e todos os rumores estavam certos neste ponto. O Pixel Watch apresenta apenas um tamanho, num formato arredondado. O chassis é feito de metal - parece aço inoxidável. Nas costas temos um conjunto de sensores para monitoramento da saúde e atividade física. Na parte lateral direita há um botão, possivelmente o power, e uma coroa digital, para ajudar ao rolamento da interface do relógio - como nos smartwatches da Apple. As braceletes parecem ter um conector proprietário para acoplarem ao relógio.

Funcionalidades

Infelizmente, pouco se sabe deste smartwatch para além de que ele trará ferramentas de saúde e fitness especiais herdadas da Fitbit e que rodará a mais recente versão do Wear OS. Também se esperam novidades a nível do suporte da assistente Google nos relógios e uma série de mostradores exclusivos.

O coração do Pixel Watch

E para uma boa experiência de utilização, é necessário um bom processador. A Google não avançou qualquer pormenor técnico na I/O , porém os rumores dão conta que ele virá equipado do Exynos 9110, o processador da Samsung que alimentava o Galaxy Watch de 2018. Estamos perante um processador com 4 anos, mas apesar de ser antigo ainda apresenta um bom desempenho e eficiência energética. Os rumores ainda avançam que a Google deverá acrescentar um co-processador desenhado por si para ajudar no desempenho de algumas tarefas e ainda na autonomia da bateria.

A bateria... Não esperes nada por aí além!

Os rumores avançam que o Pixel Watch chegará com uma bateria de 300mAh, que aparentemente aguentará apenas um dia de utilização. O que é relativamente fraco para aquilo que já existe no mercado. Ainda para mais não se espera que a Google traga suporte a carregamento rápido...

Quando será lançado?

A Google anunciou na I/O 2022 que o seu novíssimo smartwatch chegaria ao mercado no outono, a par da sua nova série de telefones Pixel 7.

Preço e disponibilidade

Apesar de ser utópico desejar a chegada deste equipamento a Portugal, a disponibilidade do mesmo deverá continuar limitada a apenas um pequeno número de países. E apesar de também ainda não se saber o preço oficial do Pixel Watch, espera-se que a Gigante das pesquisas o lance na faixa dos 250-400$ - o modelo mais caro deverá ter a capacidade Cellular.

Esta faixa de valores torna-o num concorrente direto às ofertas da Samsung e da Apple, o certo é que com a disponibilidade limitada a Gigante das pesquisas terá de surpreender bastante na vertente de software para conseguir surpreender os consumidores e tornar o seu relógio num sucesso comercial. Atrevo-me a dizer que o ecossistema Wear OS depende disso!

Partilhar artigo